Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Entregadores de aplicativos prometem nova greve em 12 de julho

Jovem Pan News
Postado em: 03/07/2020

Compartilhe esta notícia:

Jovem Pan News

Após promover o “Breque dos Apps” em 1º de julho, em que os entregadores de aplicativos deixaram de fazer corridas ao longo de todo o dia em São Paulo e no Rio de Janeiro, a categoria prometeu nova greve para o dia 12 de julho. Profissionais ligados a empresas como Rappi, Loggi, Ifood, Uber Eats e James lutam por melhorias nas condições de trabalho – que tiveram aumento da demanda durante a pandemia do novo coronavírus.

Nesta sexta-feira (3), os entregadores fizeram uma enquete para realização de nova paralisação. 26 mil responderam para fechar na nova data. A principal pauta do movimento é o aumento dos valores pagos pelos aplicativos por entrega. A categoria quer não só o aumento do valor mínimo do serviço como também um reajuste do pagamento por quilômetro rodado.

“Com a pandemia e o desemprego, os aplicativos estão ganhando como nunca. Em vez deles repassarem o valor para a gente, que está na linha de frente, correndo risco de pegar Covid-19, eles jogaram as taxas de entrega lá embaixo”, diz o panfleto de divulgação do primeiro Breque dos Apps.

Os trabalhadores querem ainda benefícios como seguro contra roubo e acidentes, além de auxílios específicos para o período de pandemia do novo coronavírus, como equipamentos de proteção e licença remunerada para quem ficar doente.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Governo Bolsonaro prepara ampliação de limites para microcrédito no país

Câmara dos EUA vota a favor de restrição de poderes bélicos de Trump

Parte da zona norte terá abastecimento de água interrompido nesta 4ª feira

Bolsonaro diz que liberação de FGTS passa por ajuste, mas deve ser anunciada nesta 5ª

Um em cada quatro municípios de SP já tem caso de coronavírus

Bolsonaro diz que dará voadora no pescoço de quem praticar corrupção em seu governo