Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Dono de bar na Zona Norte é preso pela Guarda Municipal por tráfico de drogas

Postado em: 25/03/2019

Compartilhe esta notícia:

A Guarda Civil Municipal de Sorocaba prendeu, nesta noite de domingo (24), o dono de um bar localizado na Vila Nova Sorocaba, na Zona Norte, por tráfico de drogas.

Segundo a ocorrência, a Ronda Ostensivas Municipal (ROMU), realizava patrulhamento preventivo pelo Centro de Educação Infantil – 70, “Adail Odin de Arruda”, quando, ao acessar a Alameda Lindóia, constatou uma perturbação do sossego com som alto em um bar na via. A equipe decidiu ir ao local para realizar orientação.

Um homem, ao ver os guardas, correu para os fundos do estabelecimento e jogou algo atrás do balcão. Durante revista pessoal, nada de ilícito foi localizado, porém ao recuperar o que ele havia dispensado, foi localizado um saco plástico contendo 60 microtubos de cocaína e a quantia de R$ 308 em dinheiro. Ao ser indagado, afirmou ser responsável pelo estabelecimento e a comercialização de drogas no local há cerca de 3 meses.

O dono do bar ainda indicou que havia mais drogas entre as caixas de bebidas. Entre elas a GCM localizou saco plástico contendo 710 microtubos de cocaína, dois rádios comunicadores e um caderno contendo anotações do tráfico de drogas.

width=1280
Foto: GCM/divulgação

Diante dos fatos, foi dado voz de prisão ao V.E.G.V, de 20 anos, que foi conduzido ao Plantão Policial Norte, onde o delegado de plantão determinou a sua prisão por tráfico de drogas, sendo encaminhado ao Sistema Prisional.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

PAT de Sorocaba registra crescimento de quase 29% nas contratações em apenas 11 meses

Prefeitura realiza audiência pública para discutir a LOA 2019 na sexta-feira

Secretária diz em CPI não saber número de voluntários; advogado acompanhou oitiva

Após pressão do Supremo, Bolsonaro demite Weintraub do Ministério da Educação

Secretaria checa mais de 1.850 pontos de iluminação pública em dois meses em Sorocaba

Colar Evocativo ao Sesquicentenário da Revolução Liberal de 1.842