Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Coordenadora, gestora, assessora, encarregada: as multifunções de Taty Pólis

Postado em: 24/04/2019

Compartilhe esta notícia:

O Ipa Online analisou o conteúdo dos e-mails trocados entre o ex-secretário de Comunicação de Eventos Eloy de Oliveira, Tatiane Polis, e o prefeito José Crespo (DEM). As mensagens foram entregues pelo Ex-titular da Secom à Polícia Civil.

Em 14 e-mails enviados por Crespo, em nenhum momento, ele refere-se a Taty Polis como voluntária, mas delega a ela oito funções diferentes para trabalhar em seu governo. Veja abaixo

width=1096
Taty Pólis no gabinete do prefeito José Crespo, sentada à mesa de reunião há duas semanas, discutindo o Fala Bairro

SERVIDORES DESCONHECIAM VOLUNTARIADO DE TATY

Segundo o relatório parcial da CPI do Falso Voluntariado apresentado nesta terça-feira (23), durante sessão na Câmara de Vereadores, pela  presidente Iara Bernardi (PT) e relatora Fernanda Garcia (PSOL), “no que diz respeito ao papel da Sra. Tatiane Pólis, observa-se que ela agia como funcionária pública de fato, indo muito além da mera atribuição de voluntária, uma vez que em alguns depoimentos de funcionários da SECOM, constatou-se que alguns funcionários sequer sabiam que Tatiane Pólis era voluntária, fica caracterizada a infração penal prevista no art. 328, do Código Penal, a chamada usurpação de função pública”.

Ainda, Eloy denunciou que Tatiane possuía sala, telefone e computador para trabalhar no sexto andar do Palácio dos Tropeiros, mesmo andar em que fica o gabinete do prefeito.

Durante oitiva à CPI, Tatiane Polis negou as acusações.

PEDIDO DE CASSAÇÃO DE CRESPO

Crespo teria cometido seis ilegalidades para manter Tatiane ao seu lado na prefeitura, entre elas infração político-administrativa, crime de responsabilidade, e improbidade administrativa. Um novo pedido de cassação do prefeito, embasado no relatório parcial da CPI, deve ser votado nesta quinta-feira (25), pelos vereadores.

SALÁRIO DE R$ 11 MIL

Eloy, durante depoimento à Polícia Civil, revelou que Tatiane Polis recebia o salário de R$ 11 mil. Segundo o ex-secretário, Crespo teria insistido para que a empresa DGentil, com nome fantasia de Estação Primeira da Propaganda, pagasse um valor a Tatiane Polis. Primeiro, ele tentou que ela fosse contratada. A empresa se recusou, mas seu proprietário, Luís Navarro, aceitou a pagar a ela um valor de R$ 11 mil, por determinação de Crespo, através do contrato de Publicidade que a agência tem com a Prefeitura, licitado em R$ 20 milhões.

width=1091
Taty Polis registra o prefeito José Crespo durante inauguração da UPH da Zona Norte
  • VEJA AS FUNÇÕES DE TATIANE NA PREFEITURA, SEGUNDO E-MAILS DE CRESPO * 

ASSESSORA DE IMAGEM

em 2 de dezembro do ano passado, data antes do termo de voluntariado assinado pelo prefeito José Crespo (este de 17 de dezembro de 2018), o secretário de Educação André Gomes, considerado “afilhado político” de Tatiane Polis, a parabeniza, em resposta a e-mail enviado ao prefeito e então secretário Eloy “Parabéns, Tatusca!” escreve, ao referir-se ao projeto “Prefeito por 1 dia”.

No e-mail redigido por Crespo a Eloy, Crespo a chama de “assessora de imagem” e explica que ela acabara de sugerir um novo projeto, denominado “Prefeito por Um dia”.

Basicamente, o projeto escolheria ao final de cada semestre letivo, um aluno de algumas das escolas públicas ou privadas, para ser empossado como prefeito. O estudante seria “empossado” no gabinete do Chefe do Executivo.

width=674

COORDENADORA DO GEDAI

Nas mensagens, datadas de 8 de dezembro de 2018, Crespo novamente trata Taty Pólis como ‘Doutora’ e passa para ela orientações sobre um esquema denominado ‘Gedai’ (Grupo de Estratégia de Ação na Internet), que tem como objetivo defender a postura dele nas redes sociais. Tal esquema já havia sido combinado com o ex-secretário Eloy e tinha o
propósito de “melhorar” a condição de Crespo à opinião pública para a reeleição.

No e-mail, Crespo deixa claro que o esquema pode ser desenvolvido por voluntários ou cidadãos sem cargos públicos.

Ainda na mensagem, o Chefe do Executivo deixa claro que cabe a Tatiane a função de “selecionar e recrutar pessoas adequadas para o esquema, manter o contato frequente com os convocados, pedir para que os selecionados compartilhem conteúdos de interesse do governo e/ou se manifestem proativo ou reativamente nas redes sociais, em defesa do
governo e do prefeito”.

width=752

COORDENADORA DE IDEIAS, PRODUÇÃO E AGENDA

Entre os dias 11 e 12 de janeiro deste ano, Eloy e Crespo trocam e- mails. O ex-secretário de Comunicação e Eventos pede que o prefeito marque agendas voltadas a sua reeleição, trabalhando “dados de pesquisas que temos e agir pontualmente”. Essas agendas seriam às quartas-feiras.

José Crespo respondeu ao e-mail do ex-secretário, com cópia encaminhada a Tatiane Pólis, em 12 de janeiro. De acordo com conteúdo da mensagem, Crespo concorda que essa nova agenda seria importante. Ele afirma que quem vai coordenar “a compilação de ideias e produção dessa agenda, será a Dra. Tatiane”. Dra. Tatiane é a forma como o prefeito se refere a ex-assessora Tatiane Pólis em seus e-mails.

width=699

COORDENADORA DE AGENDA E COMPILAÇÃO DE IDEIAS

Ainda sobre o e-mail citado acima, Crespo informa que “Dra Tatiane” deveria participar da reunião como “coordenadora de seu gabinete para essa agenda ‘política”.

width=699

ENCARREGADA DE AGENDA EXTERNA

Em troca de mensagens por e-mail no dia 5 de janeiro, Crespo escreve a Tatiane: “Conforme falamos, é necessário/conveniente que, daqui para frente, o prefeito ‘saia mais’ do gabinete, em atividades externas, de natureza ‘política’ para ser visto, conversar diretamente com pessoas ou grupos”.

Para isso, “Vossa Excelência”, como o prefeito refere-se a Tatiane no e-mail, “fica desde já encarregada de coletar ideias e propostas de todos os setores e transformá-las na ‘agenda externa desses períodos”.

width=772

COORDENAÇÃO DE ACOMPANHAMENTO DE AGENDA FÍSICA

Em 15 de janeiro, outro e-mail, novamente enviado pelo prefeito José Crespo a Tatiane Polis: “Dra. Tatiane: Peço que V.Exa [vossa excelência] assuma a coordenação e sempre que possível acompanhe fisicamente a agenda JC [José Crespo] em campo, pelo menos nas
4as.feiras, e também aquelas do programa ‘Fala Bairro”. O prefeito finaliza a mensagem pedindo para que Tatiane “ouça as orientações do Dr. Eloy”.

width=696

GESTORA

No dia 29 de janeiro, Eloy encaminha um e-mail a Crespo o qual pede uma abertura de agenda nos compromissos do prefeito para receber um grupo de jovens que representariam Sorocaba na Assembleia da ONU. Crespo responde em 1º de fevereiro, com cópia para Taty Polis: “Aprovo esse agendamento, mas terá que ser numa 4a.feira, se a gestora Dra. Tatiane Pólis conseguir enquadrar”.

width=740

GESTORA DE CAMPO

Em um e-mail de Crespo enviado a Eloy, com cópia para Tatiane Polis, o prefeito falar sobre uma entrevista sua à Rádio Vanguarda. Nela, o democrata informa que não conseguiriar ir à emissora para gravar sua entrevista em dias avulsos e sugere: “a única solução, caso a gestora de campo Dra Tatiane Polis concorde, será o agendamento numa 4a.feira à tarde”.

width=753

Tatiane Polis e o prefeito José Crespo são investigados pela Polícia Civil no caso do voluntariado. A ‘voluntária’ é investigada suspeita de cometer o crime de Usurpação da Função Pública.

Taty Polis, pivô da cassação do prefeito em 2017, já havia sido condenada, em outubro de 2018, a quatro anos de reclusão, no regime aberto, e ao pagamento de 20 dias-multa, no piso legal, pelos dois crimes a ela imputados: fraude e falsidade ideológica. Da sentença, cabe recurso em instâncias superiores.

A ex-assessora teve as penas privativas de liberdade substituídas por duas penas restritivas de direitos: uma pecuniária, no valor de quatro salários mínimos, passíveis de parcelamento, em favor de Trabalho Fraternal Caminhada da Caridade, e outra consistente em prestação de serviços à comunidade, pelo prazo de condenação.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Homem que fabricava e comercializava anabolizantes é preso após perseguição policial

Congresso estuda 1º turno da eleição em 15 de novembro ou 6 de dezembro, diz Maia

Sorocaba recebe “Dia D” contra dengue neste sábado; cidade vive epidemia

Escolas deverão ter volta escalonada com aulas presenciais e a distância

Mortes pela Covid-19 sobem para 117 e casos confirmados chegam a 4.116 em Sorocaba

Garota de 16 anos com deficiência auditiva é apreendida suspeita de matar mãe a facadas na ZN