Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Conheça a ‘Super Servidora’ que tem 33 anos de carreira na Prefeitura

Postado em: 22/10/2018

Compartilhe esta notícia:

Servidora pública há 33 anos, Renata Rocha de Camargo, de 50 anos, que atualmente trabalha no setor de topografia, é uma ‘Super Servidora’. Passando por 14 prefeitos e 3 setores, a história de vida de Renata se mistura com a sua carreira na Prefeitura de Sorocaba, lugar que ela tem como seu segundo lar, desde 1985.

Ainda jovem, com 17 anos, Renata começou a trabalhar na prefeitura por indicação de uma amiga – ex funcionária, aposentada pelo órgão executivo, pois, ainda não existia concurso público. Convidada a trabalhar como datilógrafa, na Secretaria de Transportes da época, a servidora prontamente aceitou, e após testes nas antigas máquinas de escrever, mecânicas e elétricas, foi contratada.

“Quando eu entrei, ainda estava no ensino médio e queria muito trabalhar. A minha vontade na época era a de ser professora, pois fiz magistério e faculdade de letras, mas, no fim, continuei a trabalhar na prefeitura, afinal, me sinto muito bem aqui e gosto muito de todo o apoio que recebemos”, conta a servidora.

A funcionária pública trabalhou por 25 anos na antiga Secretaria de Transportes, passando da datilografia para a parte administrativa, e depois, quando começaram os concursos públicos, ela prestou e passou a ser técnica de tráfego. Saindo dos transportes, Renata trabalhou no gabinete da Seplan, e atualmente, está na sessão de topografia.

“Passei por alguns setores e vários prefeitos, o que sempre me agregou muito, pois, cada prefeito que entra, da enfoque pra alguma área, como por exemplo, o trânsito, educação, saúde, então a cada chefe do poder executivo, são novos desafios e novas experiências”, declara a servidora.

Ainda sobre experiências, Renata conta que quando começou sua carreira na prefeitura, era muito tímida, não era uma boa comunicadora, e com o dia a dia, através do contato com o público e com os colegas de trabalho teve toda a evolução. Ela ainda aponta as dificuldades, pois, há bastante trabalho, e deve-se ter muita responsabilidade para cumpri-lo, como em qualquer outro emprego, mas a funcionária se alegra, pois no final, é recompensador.

“Ter passado esses 33 anos na prefeitura valeu muito a pena, eu gosto muito daqui, e eu faria tudo de novo, sem mudar nada. Tudo o que eu tenho, eu devo a este lugar que me acolheu desde moça, desde a parte financeira, a minha casa, carro, e até mesmo o meu marido, pois, foi uma colega de trabalho que me apresentou ele”, conclui a veterana.

O desejo de Renata é se aposentar no ano que vem, com 34 anos de carreira pública, para poder cuidar da família e acompanhar de perto o crescimento do seu único filho, Francisco Ferreira, de 12 anos, que recebe esse nome pela devoção de sua mãe à São Francisco.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Homem usa arma de choque de 12 mil volts para agredir mulheres; veja vídeo

Ronaldinho Gaúcho e irmão são detidos pela polícia do Paraguai

Polícia prende 38 pessoas em rinha de cães na Grande SP

WhatsApp limita encaminhamento de mensagens em crise de coronavírus

Homem desaparecido após ir a lanchonete foi preso pela PM por dever pensão alimentícia à ex-mulher

Guarda Civil recupera moto roubada em mata na Zona Norte