Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

“Coisa Mais Linda” enaltece feminismo em cenário inspirador e no ritmo da bossa nova

Postado em: 26/03/2019

Compartilhe esta notícia:

Erick Rodrigues

A bossa nova, gênero musical que surgiu no fim da década de 50, fez poesia com as ondas do mar do Rio de Janeiro, com a brisa do vento que toca o rosto, com a saudade de um amor perdido, com a expectativa de um amor que estava por vir e, claro, com as mulheres brasileiras. Exatamente por isso, a ambientação de “Coisa Mais Linda”, série lançada na plataforma de streaming Netflix, não poderia ser outra. A capital fluminense serve de cenário para uma história de protagonistas femininas que, certamente, mereceriam ser cantadas por João Gilberto, Tom Jobim ou Vinícius de Moraes.

Compartilhe: