Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Brasileiro recebe média de 45 ligações indesejadas por mês, diz relatório

Foto: reprodução
Postado em: 05/12/2019

Compartilhe esta notícia:

Paulo Soprana, FOLHAPRESS

 


O Brasil é o país mais afetado por ligações indesejadas, o spam telefônico, de acordo com relatório divulgado nesta quarta-feira (4) pela Truecaller, empresa sueca que oferece serviço de bloqueio para chamadas não identificadas.

 


O levantamento verificou que cada cidadão recebe uma média de 45,6 ligações por mês. No ano passado, o registro era de 37,5. O resultado considerou a análise de 116 bilhões de chamadas não identificadas pelo aplicativo.

 


O país ficou em quarto lugar no spam por SMS, com média de 87 mensagens por pessoa por mês.

 


"Em nossa terceira edição, vemos uma mudança significativa nos países mais afetados, e fica claro que o problema não está diminuindo", diz a empresa. 

 


As ligações de operadoras de telecomunicações e de provedores de internet subiram de 32% para 48% em 12 meses, representando a maior parte do problema no país. A comunicação é feita para vender planos com descontos especiais e outros serviços.

 


Serviços financeiros, scam (fraude) e telemarketing respondem por 13%, 26% e 13% dos registros, respectivamente. As fraudes subiram de 1% em 2017 para 26% neste ano.

 


Peru, Indonésia, México e Índia vêm depois do Brasil na lista, com médias de 30 a 25 ligações por mês. Em oitavo lugar, os Estados Unidos têm média de 18 registros de spam por pessoa.

 


Os dados da Truecaller são agregados, anonimizados e identificados a partir de chamadas marcadas como spam pelos usuários do aplicativo, que tem cerca de 150 milhões de usuários ativos ao dia e foi baixado em 500 milhões de celulares. 

 


Em julho, a Anatel colocou no ar um serviço não perturbe a consumidores que não queiram ser importunados por operadoras. O site foi criado pelas empresas atendendo a uma determinação da agência.

 


É possível solicitar o bloqueio de chamadas na página nãomeperturbe.com.br. A empresa que desrespeitar a lista pode ser multada em até R$ 50 milhões. 

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

GCM de Capela flagra adolescente com maconha escondida na cueca

Gestores têm 15 dias para divulgar balanço da campanha de vacinação

Presidente do Sindicato se defende de acusações de advogado do prefeito

Bolsonaro sanciona lei que permite internação forçada de usuários de drogas

Alexandre Frota é condenado a picar papel por atribuir falsa fala de pedofilia a Jean Wyllys

Atraso em licitação faz servidor do TJ-SP levar papel higiênico de casa