Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Bolsonaro: Brasil precisa ser informado sobre o coronavírus "sem pânico"

Carolina Antunes/PR
Postado em: 12/04/2020

Compartilhe esta notícia:

Jovem Pan News

Ao comentar a disseminação do novo coronavírus no Brasil, o presidente da República, Jair Bolsonaro, disse neste domingo (12) que o país precisa ser informado sobre o que “realmente acontece”, sem “pânico”. Sem citar diretamente o isolamento social praticado em vários estados, ressaltou que as pessoas precisam de “liberdade”.

“Precisamos cada vez mais de liberdade. O país precisa ser informado do que realmente está acontecendo. E não através do pânico, mas através de mensagens de paz, de conforto, [para] cada um se preparar para a realidade”, afirmou na abertura de uma videoconferência com representantes católicos e evangélicos com o objetivo de celebrar a Páscoa.

O presidente é um defensor do fim do isolamento imposto à sociedade para evitar que a Covid-19 se espalhe ainda mais pelo país. O vírus já matou no Brasil, de acordo com o último balanço do Ministério da Saúde, 1.123 pessoas. Mais de 22 mil pessoas estão infectadas.

Bolsonaro tem manifestado preocupação com os prejuízos econômicos que vêm junto com o isolamento social, uma vez que grande parte do comércio está fechada.

Ele ainda afirmou que o Brasil é “o país mais cristão do mundo” e disse que “vivemos um momento difícil”. Em seguida, acrescentou que “só Deus tem a cura”.

“Vivemos um momento difícil. Sabemos quem pode nos curar [aponta para cima]. Deus sempre acima de tudo. Nós aqui na Terra temos que fazer a nossa parte.”

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

"Entre pólvora e maricas, uma economia frágil e um estado às escuras", diz Maia em resposta a Bolsonaro

Obras avançam na Estrada do Lageado com a primeira camada de pavimento asfáltico

Berlim torna obrigatório uso de máscaras, mas evita novo lockdown

Disney divulga primeiro trailer de versão live-action de “O Rei Leão”

Polícia investiga troca de corpos em hospital de Santo André

Prefeitura promove audiência pública sobre licitação para concessão do lote 2 do transporte coletivo no dia 23