Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

BC corta Selic em 0,75 ponto, a 3% ao ano, com agravamento da crise do coronavírus

Arquivo
Postado em: 06/05/2020

Compartilhe esta notícia:

Larissa Garcia, da Folhapress

Com a deterioração do cenário econômico no último mês por causa do avanço do novo coronavírus no país, o Copom (Comitê de Política Monetária), do Banco Central, decidiu cortar a taxa Selic em 0,75 ponto percentual, a 3% ao ano nesta quarta-feira (6).

O presidente do BC, Roberto Campos Neto, sinalizou que haveria novo corte na Selic em conversas com o mercado e entrevistas nas últimas semanas.

Economistas consultados pela Bloomberg esperavam uma redução menos incisiva, de 0,5 ponto percentual.

Entretanto, no comunicado da decisão passada, em março, quando o colegiado optou por reduzir a Selic em 0,5 ponto percentual, o comitê afirmou que considerava adequada a manutenção da taxa em 3,75% ao ano.

Na ocasião, a autoridade monetária foi criticada por não responder com mais agressividade ao avanço da crise.

No mercado já havia analistas que esperavam um corte que o BC reduzisse a Selic em pelo menos 0,75 ponto percentual -havia até aposta de redução em 1 ponto.

Nesta semana, o mercado aumentou ainda mais as expectativas para a retração do PIB (Produto Interno Bruto) de 2020, que passou de queda de 3,34% para 3,76%, de acordo com o relatório Focus do BC.

A projeção para o dólar no fechamento do ano aumentou de R$ 4,80 para R$ 5. A previsão para a inflação também caiu de 2,20% para 1,97%.

A cada 45 dias, o Copom se reúne para decidir a meta da taxa Selic. Desde dezembro de 2017, os juros renovam as mínimas históricas.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Marina Silva justifica apoio a Aécio em 2014 e diz que centrão faz ‘corrupção brava’

Importância do trânsito seguro é tema de blitz para motociclistas

Operação Dignidade realiza abordagem a usuários de drogas e todos recusam ajuda

Câmara de Sorocaba restringe acesso de público em medidas de prevenção ao coronavírus

Queda nas temperaturas faz Prefeitura redobrar abordagens às pessoas de rua

Mortes pela Covid-19 sobem para 117 e casos confirmados chegam a 4.116 em Sorocaba