Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Agressor preso pelo ‘Botão do Pânico’ agride Guarda Civil Municipal e tenta fugir

Postado em: 25/06/2019

Compartilhe esta notícia:

Um homem preso pela Guarda Civil Municipal, por meio da ROMU (Ronda Ostensiva Municipal), resistiu à prisão e agrediu um agente ao ser detido após sua ex-mulher acionar o Botão do Pânico.

Conforme a ocorrência da GCM, o detido tinha violação para visitar a ex-esposa por meio de medida protetiva, mas a desrespeitou e seguiu ao residencial Altos do Ipanema, onde a vítima mora. A mulher notou a presença do homem e acionou o Botão do Pânico.

No local, os guardas foram atendidos pela vítima e constataram que o homem estava somente de cueca na sala do apartamento da vítima. Após os agentes lerem o teor da medida constante no processo, deram voz de prisão ao agressor.

Ao chegar na Delegacia de Defesa da Mulher, enquanto aguardavam o registro da ocorrência, o homem conseguiu fugir, correu pela rua e, ao ser detido, agrediu um dos guardas civis, de modo que foi detido novamente e autuado em flagrante por, além da violação da medida protetiva, pelos crimes de Resistência, Desacato e Lesão Corporal, sendo encaminhado ao Sistema Prisional.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Vereadores sabatinam secretários sobre proposta de aumento na contribuição previdenciária dos servidores municipais

Vigilância Sanitária interdita bar por sujeira; no local foram apreendidos 21 sacos de pipocas

Moro antecipa exoneração, e juiz sucessor deve ser escolhido no início de 2019

Sorocabano morre de febre hemorrágica contraída por arenavírus; Ministério da Saúde classifica caso como "grave"

Polícia Civil apreende 2,1 milhões de maços de cigarro contrabandeados em Sorocaba

Jovem morre após colisão entre carro e caminhão na rodovia Raposo Tavares