Informação e Credibilidade para Sorocaba e Região.

Abastecimento de água será suspenso na Zona Oeste na manhã desta sexta-feira

Postado em: 25/10/2018

Compartilhe esta notícia:

A instalação do 5º Distrito de Medição e Controle (DMC 5) é feita na manhã da sexta-feira (26). Os trabalhos exigem o fechamento da rede, suspendendo a distribuição de água pelo período de seis horas, em alguns bairros situados em áreas de menor altitude na região do Central Parque. A expectativa é que o abastecimento esteja normalizado a partir das 14h.

Os bairros onde haverá a suspensão são o Central Parque, Jardim São Marcos, Jardim Arco Íris, Jardim Itanguá, Parque Ouro Fino, Parque Esmeralda, Wanel Ville I, Parque Manchester, Jardim Simus e Verde Vale.

A recomendação aos consumidores dessa região é garantir que os reservatórios dos imóveis estejam cheios antes das oito horas da manhã para o uso durante as seis horas de suspensão.

Aqueles que consumirem com economia o volume reservado no próprio imóvel não devem ficar sem água nas torneiras. Outra dica é deixar para fazer depois das 14h todas as tarefas quem utilizem água e possam ser adiadas.

DMC 5 é instalado na avenida Santa Cruz

O 5º Distrito de Medição e Controle está sendo instalado na avenida Santa Cruz, esquina com a avenida Miguel Patrício de Moraes. O ponto da rede onde será acoplado o grande medidor de precisão (macromedidor) já foi aberto nos últimos dias para garantir a máxima de precisão no tempo de trabalho.

A instalação de macromedidores na rede do Saae-Sorocaba faz parte do Programa de Controle e Redução de Perdas de Água Tratada. Os macromedidores vão medir os volumes que entram e saem nas estações de tratamento de água, nos centros de distribuição e reservatórios, possibilitando identificar as perdas de água por vazamento ou fraude e em qual região ocorre. A identificação do local vai facilitar o trabalho de detecção e correção do problema.

Ao reduzir o índice de perdas de água tratada, o Saae-Sorocaba confere ainda mais eficiência ao seu sistema e garante maior volume de água para os consumidores com a mesma infraestrutura e custos com energia elétrica e tratamento. E ainda preserva os mananciais que abastecem Sorocaba, já que deixará de captar o volume de água que hoje se perde na rede de distribuição para a população.

Compartilhe:

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Edição 2018 do programa Capacita já está com inscrições abertas

Sub-21 do Handebol Feminino de Sorocaba mantém invencibilidade em competição

Com 241 casos de dengue confirmados, Sorocaba pode entrar em epidemia

Bolsonaro promete acabar com radares móveis nas estradas na próxima semana

Guarda Civil Municipal detém jovens com quase duas mil porções de drogas

Garotos de 17 e 15 anos são detidos após serem flagrados pilotando moto roubada