Cícero Leonardo dos Santos Silva, de 32 anos, tinha problemas auditivos e não ouviu a ordem para estacionar a motocicleta que dirigia, em seguida ele foi morto a tiros por supostamente desobedecer a uma ordem de policiais para parar o veículo em Fortaleza neste fim de semana. O corpo do vendedor Cícero Leonardo foi enterrado no último domingo 29/04.

Segundo familiares, ele saiu de casa,dizendo que ia trabalhar. Por volta da 9h da manhã, Cícero passou por uma blitz na Avenida Leste-Oeste, no Bairro Moura Brasil em Fortaleza e por não ter obedecido a uma ordem de parada foi atingido por dois tiros nas costas disparados pelos policiais que estavam na ação.

Um vídeo feito momentos após a abordagem mostra Cícero sendo socorrido. a vitima foi levado para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da região, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade de saúde. O caso está sendo investigado pela Delegacia regional.

Em depoimento, os policiais militares disseram que Cícero estava armado e que atirou primeiro, versão contestada pela família. Os parentes disseram, ainda, que ele nunca teve envolvimento com nenhum tipo de crime e nem com tráfico de drogas.

Em nota, a Secretaria de Segurança Pública informou que um inquérito policial foi instaurado para apurar o caso.

Veja e saiba mais sobre o mundo PCD em: www.pcdef.com.br
PCDef – diferente mas igual