FOLHAPRESS

Chuvas torrenciais provocadas pelo furacão Florence no sábado (15), nos estados de Carolina do Norte e Carolina do Sul, nos EUA, provocaram enchentes e deixaram cerca de 900 mil casas e empresas sem energia. Autoridades revisaram o número de mortos de oito para 11 pessoas.

Apesar de ter diminuído de intensidade desde que atingiu a costa americana, na sexta-feira (14), o furacão ainda ameaça deixar grande parte da região alagada.

Os moradores estão sendo resgatados de helicóptero ou barco e milhares de pessoas aguardam em abrigos. Algumas estradas também foram fechadas por risco de deslizamento de terra e rachaduras.