Lippi revela que Jaqueline pediu para tucano ser da equipe

Foto (da esquerda para a direita): Alexandre Moreto, José Roberto Ercolin, Vitor Lippi e Deda Benette

O deputado federal Vitor Lippi (PSDB) revelou, durante entrevista ao Jornal da Ipanema, da Rádio Ipanema 91,1 FM, nesta manhã de segunda-feira (11), que a prefeita Jaqueline Coutinho (PTB), pediu permissão a ele para que João Leandro da Costa Filho, presidente do PSDB em Sorocaba, fosse para seu governo após assumir seu mandato.

João Leandro ocupa, agora, o cargo de secretário de Gabinete Central da Prefeitura de Sorocaba. Ele chegou a concorrer as eleições 2016 para prefeito, entretanto, não chegou a ir para o segundo turno, quando disputaram José Crespo (DEM) e Raul Marcelo (PSOL).

À época, o tucano ocupava cargo de chefe de gabinete do deputado em Brasília.
A revelação foi feita durante participação de Lippi no espaço “O Deda Questão”, do jornalista Djalma Benette. O parlamentar ainda ficou na dúvida se poderia contar a história ou não na rádio. “Eu achei muito importante a postura da prefeita Jaqueline”, elogiou.
“Ela me perguntou se eu poderia ceder meu chefe de gabinete. Como eu vou falar não? Você [Jaqueline] me liga e me pede ajuda para ajudar Sorocaba. Eu vou falar não? Lógico que não!”, exclamou.

Lippi, que já foi por duas vezes prefeito de Sorocaba, ainda opinou sobre a formação de secretariado da prefeita, que reúne diversas legendas partidárias. “A política é a arte da articulação. Acho perfeitamente legítimo que a atual prefeita busque várias coligações que busquem colaborar com Sorocaba”, fomentou.